Arquivo mensal: abril 2017

Warcraft 5e: Crias da Lua e do Sol

Vamos dar seguimento à adaptação do cenário de Warcraft para Dungeons & Dragons 5ª Edição. Nas semanas anteriores mostrei os Anões e os Draenei, mas fiquei devendo de apresentar os Elfos.

Hoje vou me redimir com vocês e mostrar não apenas a minha sugestão de como lidar com os elfos noturnos e elfos sangrentos, mas também falar um pouco dos meio-elfos. Prepara, que esse post vai ser longo.
Leia o resto deste post

Warcraft 5e: Os Filhos da Luz

Semana passada comecei a adaptação do cenário de Warcraft para Dungeons & Dragons 5ª Edição mostrando a minha visão de como trabalhar os Anões no cenário. Eu sei que falei que mostraria os elfos, mas esta semana está pedindo uma raça completamente nova. Ou quase. Que tal dar uma olhada nos Draenei? O papel deles no plano material de Azeroth é bem parecido com o dos Aasimar no multiverso do D&D, portanto, usarei a raça já conhecida como um ponto de partida para adaptar os seguidores dos Naaru.
Leia o resto deste post

Warcraft 5e: A Raça dos Três Martelos

Vamos começar aqui as postagens de adaptação do cenário de Warcraft para Dungeons & Dragons 5ª Edição. E qual melhor forma de iniciar do que situando as raças do mundo? Então, vamos começar pelos anões – uma raça da qual gosto muito, tanto no D&D quanto no Warcraft (o anão cavaleiro de grifos era a minha unidade preferida).
Leia o resto deste post

Warcraft 5e

O cenário de Warcraft é o palco de emocionantes aventuras que tomaram vida através de jogos, romances e até mesmo um filme. Azeroth, o principal planeta das histórias do cenário, é um mundo que está constantemente na mente de muitos fãs em todo o mundo. O Brasil incluso. Além de sermos um dos países de maior número de jogadores do MMO World of Warcraft, o cenário foi um dos mais populares com o lançamento do Warcraft – Roleplaying Game, pela Devir, lá nos idos de 2011. Hoje, seis anos depois, ele ainda é bastante procurado pelos jogadores, que se interessam em usar Azeroth como o cenário de seus jogos de D&D 5ª Edição (basta participar de grupos de discussão de D&D 5e no Facebook para ver gente perguntando dele).

Tudo isso me parece motivo de sobra para oferecer a vocês uma adaptação do cenário aqui no Covil. Até porque eu gostaria bastante de usá-lo como cenário para alguns jogos de D&D. 🙂

E é isso o que vai acontecer. A partir da semana que vem, vou começar a apresentar aqui a minha adaptação das regras para usar o mundo de Warcraft como cenário para o D&D 5ª Edição.

Note as palavras que estou usando: “usar o mundo de Warcraft como cenário para D&D 5ª Edição”. Não estou falando de adaptar o D&D para servir de sistema-base para jogar World of Warcraft de mesa, tampouco de atualizar o set de regras que inventaram para ele na época da 3ª Edição (o Warcraft d20). As coisas podem mudar e a minha intenção é apresentar material compatível com o resto das mecânicas do Dungeons & Dragons 5ª Edição – para facilitar caso queira usar material publicado posteriormente em seus jogos neste cenário ou até mestrar as aventuras oficiais nele.

Estou deixando isso bem claro, para que todos saibam onde estão as minhas prioridades, porque prevejo gente depois vindo reclamar que eu não copiei nas regras o funcionamento de alguma habilidade especial ou magia que aparece nos jogos. E quando fizerem, caso eu responda, vou mandar o link desta postagem. Além de ser uma forma de trazer transparência para a coisa. Existem adaptações do cenário para D&D 5e espalhadas pela internet e está fadado a aparecerem mais. Comigo vocês sabem mais ou menos o que esperar.

Aguardem até a semana que vem. 😉