Arquivo mensal: março 2017

Planescape Torment ganhará uma Enhanced Edition?

Nesta sexta-feira, a Wizards of the Coast induziu muitos fãs a entrarem no endereço planescape.com, onde há um mostrador com uma contagem regressiva (que vai zerar às 18h da próxima terça, dia 28). Muitos têm especulado o motivo deste contador, já que Planescape é um cenário bastante querido dos jogadores mais antigos de Dungeons & Dragons.

Tradução: “Um contador recentemente nos chamou a atenção. Plan Escape? Alguém sabe do que se trata? http://planescape.com/”

O usuário volanin do site EN World.org mencionou que o código fonte da página possui um trechinho assim:

secret=”0x50 0x53 0x54 0x45 0x45″

E os valores apresentados podem ser convertidos nas letras PSTEE, o que é um indício forte para a novidade ser Planescape: Torment Enhanced Edition.

Além disso, o usuário Blueace lembrou que o site está hospedado no mesmo servidor do BaldursGate.com.

Certeza mesmo, só vamos ter na terça. Mas a minha aposta é que finalmente conseguiram desenrolar as amarras judiciais que impediam o Planescape: Torment de ter uma edição aprimorada.

Sobre o Tormenta 5e

Antes de fechar as atividades no ano passado, eu estava apresentando no blog uma série de posts adaptando o mundo de Tormenta como um cenário para o D&D 5ª Edição. Este projeto não foi abandonado. De fato, posso dizer que, de certa forma, eu terminei a adaptação do que eu considero que seria o livro básico. Porém, ainda não foi lançado um pdf com o material completo (minha intenção original) por conta de uma série de fatores e em grande parte por culpa minha.

Houveram muitas questões pessoais que se impuseram na minha vida e me chamaram a atenção. Eu fiquei de estudar a melhor forma de trazer para vocês um documento que fosse o mais completo possível. E eu estava esperando um feedback de um grupo de amigos que está testando a adaptação. Além de outras questões pertinentes que acho melhor não expor agora.

Além disso, esse momento conturbado do anúncio do D&D traduzido no Brasil também me exige parar e observar antes de tomar qualquer ação precipitada.

Mas não pensem que eu esqueci de vocês. O cenário de Tormenta é um bebê que eu vi nascer e se desenvolver. E ainda vamos ver esse bebê fazer uma visitinha à nova edição do jogo que já foi o lar dele. Ah, vamos.

D&D vai ter tradução oficial, sim!

Livro do Jogador em Português: em breve, numa loja de RPG perto de você.

No início desta tarde, a Wizards of the Coast e a Gale Force Nine anunciaram em seus respectivos sites que em breve lançarão as versões traduzidas de seus produtos, e o Brasil já tem uma empresa responsável, a Fire on Board Jogos.

Eis aqui a tradução do anúncio oficial:

O Dungeons & Dragons possui alguns dos melhores fãs do mundo e, graças a vocês, o ano de 2016 foi um dos melhores na história do D&D. Agradecemos imensamente aos nossos jogadores e apoiadores. Vocês são maravilhosos!

[…] A Wizards of the Coast fez uma parceria com a Gale Force Nine para disponibilizar localmente o conteúdo do Dungeons & Dragons, traduzindo-o para diversas línguas. Eles vão começar com o Player’s Handbook, Dungeon Master’s Guide, Monster Manual e o D&D Starter Set, bem como os acessórios criados pela Gale Force Nine (como os spell cards e escudos do mestre). As primeiras traduções serão para o Francês, Alemão, Italiano, Japonês, Espanhol, Polonês e Português, com mais vindo a seguir.

Queremos que os fãs saibam que escutamos seus pedidos por traduções por muito tempo, e reconhecemos que as edições anteriores tiveram muitas versões traduzidas. Então, o que mudou desta vez?

Nossa abordagem para esta edição foi diferente desde o início. A começar pelo período de playtest, passando para a nossa visão sobre quais conteúdos publicar e a forma de prover a OGL da quinta edição e ao mesmo tempo oferecer um apoio online para a comunidade compartilhar conteúdo, na forma da DM’s Guild. É graças às nossas mudanças filosóficas que nossa abordagem sobre as traduções também mudou. […] Queríamos nos certificar que a qualidade, consistência, zêlo e apoio da comunidade, que fizeram a quinta edição tão popular em inglês, também existisse nos outros idiomas. […]

Com esta parceria, a Gale Force Nine estará responsável pelas traduções dos produtos físicos e supervisionará a produção e parcerias com as empresas locais, necessárias para prover o apoio ao hobby. Trabalhando com especialistas em idiomas, impressão e fãs do D&D em cada país, estamos confiantes que serão capazes de compreender as peculiaridades de cada um desses mercados.

Apesar de não termos anunciado os planos exatos de cada mercado, o plano geral é que os produtos das linhas iniciais estejam disponíveis no inverno, sendo lançados em meses consecutivos. Traduções adicionais de outros suplementos ou livros de cenário futuramente lançados sairão tão próximas do lançamento em inglês quanto possível, mas podem ter atrasos por conta do idioma e das características de cada mercado. […]

A lista de empresas parceiras da GL9 para fazer a distribuição dos produtos traduzidos de cada idioma. Diretamente do site da GL9.

Pergunta: Por que escolheram a Gale Force Nine no lugar de trabalhar diretamente com cada país?
Resposta: Fazer a parceria com apenas uma licenciada no programa nos ajuda a manter uma consistência maior entre os produtos de cada idioma, bem como ter um time no Reino Unido trabalhando em conjunto com as equipes de tradução e gráficas européias.

P: Os livros traduzidos estarão disponíveis nas lojas de RPG locais?
R: A distribuição varia de país para país, mas a maioria das lojas de RPG e grandes vendedoras de livros deverão ter a oportunidade de distribuir os produtos do Dungeons & Dragons a um preço competitivo com as versões em inglês.

P: Como as pessoas falantes de cada língua podem saber mais?
R: Como parte desta nota, nós vamos direcionar as pessoas de cada idioma aos parceiros de distribuição local e seus sites, onde podem conseguir maiores informações. Esta informação também estará disponível no site da Gale Force Nine.

Fonte: Wizards of the Coast e Gale Force Nine