#RPGaDay2015 – Dia 05: Jogo comprado mais recentemente

logo #RPGaSAY2015Este é um post da gincana virtual #RPGaDAY2015. É uma campanha interessantíssima que visa fomentar a discussão sobre RPGs na rede. Clique na imagem ao lado para alcançar uma página onde eu explico melhor a respeito desta brincadeira. Se você gostou da idéia, participe você também! Não precisa ter blog. Pode soltar a sua opinião nas mídias sociais e comentar quando ver esse tipo de artigo. O importante é fomentar o debate, não importa muito o meio.

Como eu havia prometido no dia 10, vou apontar uma resposta nacional e outra internacional. Vamos lá?

Jogo comprado mais recentemente (Nacional): Tormenta RPG

Capa Tormenta RPG RevisadoIncrivelmente, eu não comprava nada de Tormenta desde o lançamento do Tormenta RPG. Ele foi lançado numa época em que eu estava bem saturado de sistemas de fantasia parecidos com o D&D 3.5. Porém, recentemente, o saudosismo me pegou de jeito e resolvi voltar a visitar este mundo que eu gosto tanto. Aproveitei uma promoção da Jambô e comecei a formar a minha nova coleção de livros de Tormenta. Desta vez, toda em PDF.

Eu ainda não tenho todos. Mas, de tempos em tempos eu compro um ou outro PDF novo. Sinto que em breve fecharei todos.

O cenário mudou bastante nos últimos anos. E está difícil de me atualizar em todas as mudanças. Mas eu estou gostando bastante do tratamento que ele tem recebido. Arton cresceu e evoluiu bastante nos últimos anos. Apenas sinto que ele tem entrado muito nesta moda de ter mundos de fantasia mais sombria e soturna. Mas como isso fica mais nas mãos do mestre, eu acho que consigo corrigir quando for mestrar no cenário. Definitivamente, a minha Arton vai ser mais heróica.

E falando em fantasia sombria…

Jogo comprado mais recentemente (Internacional): Shadow of the Demon Lord

Capa do Shadow of the Demon LordÉ um jogo que me chamou bastante a atenção durante sua campanha no Kickstarter. Eu gosto muito dos trabalhos do autor, Robert Schwalb – ele trabalhou no D&D por um tempo e também no Warhammer Fantasy – e ele disse que entre suas referências estão Warhammer e Ravenloft, dois cenários que eu adoro.

Eu li bem pouco do livro básico, mas aparentemente, ele apresenta duas aventuras relativamente curtas que devem ser responsáveis por desenrolar uma trama na qual os personagens enfrentarão esse lorde demoníaco que quer destruir de vez o mundo. O autor diz que as aventuras são tranqüilas de serem jogadas mais de uma vez, por terem muitas variáveis e caminhos dentro delas. Eu ainda não li o bastante para julgar o quão verdade é isso, mas confio no tio Robert.

—-

E você? Qual sua aquisição mais recente em termos de jogos de RPG?

Anúncios

Sobre CF

A fellow brazillian player.

Publicado em 31/08/2015, em Opinião e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: